terça-feira, 23 de setembro de 2014

CNT / MDA

CNT/MDA: DILMA TERIA 42% DE VOTOS NO 2º TURNO X MARINA 41
CNT/MDA: AÉCIO TEM 17,6% DAS INTENÇÕES DE VOTO 1º TURNO
CNT/MDA: MARINA TEM 27,4% DE INTENÇÕES DE VOTO EM 1º TURNO
CNT/MDA: DILMA TEM 36% DE INTENÇÕES DE VOTO 1º TURNO

Macro Mercados e Resumo de Empresas

Bom dia,

Macro Mercados

Bom dia! Assim como ontem, mercados europeus e futuros americanos amanhecem o dia operando no campo negativo, levando o MSCI emergentes a cair ao menor nível em 15 semanas.

Apesar do PMI de manufaturas da China vir melhor do que o esperado pelo mercado e sustentar alta nos índices durante a madrugada, os indicadores de PMI da Alamenha e da Zona do Euro vieram piores do que o esperado, pressionando os mercados e fazendo com que os índices invertessem para o campo negativo.

Seguindo a esteira de indicadores:

10h45 – Flash PMI de Manufatura dos EUA

Por aqui o assunto como sempre é a corrida eleitoral. Hoje podemos ter 3 pesquisas eleitorais já que ontem a Vox Populi não divulgou sua pesquisa e mudou para hoje, que já conta com a pesquisa da CNT as 10h e do Ibope no Jornal Nacional. Em matéria da Folha de ontem, um tracking feito pela campanha da Dilma mostra a atual presidente 5 pontos a frente da Marina no 2° turno. Como todos sabem, alta na Dilma = queda nos mercados.

Resumo de Empresas

Banco do Brasil (BBAS3): Valor de contrato c/ a União pode ser Capital Principal
Conversão para capital principal é positiva: Bradesco BBI
Brasil Brokers (BBRK3): Fundos da Western Asset controlam 4,94% das ON
Brookfield (BISA3): Fundos da Polo Capital controlam 5,99% de suas ON
CCR (CCRO3): Fundo do FGTS vai decidir sobre recursos para Estre e CCR: Valor
Fibria (FIBR3) vê recuperação nos preços da celulose após chegarem à mínima em 31 meses, diz pres. Marcelo Castelli
Gol (GOLL4): Wellington Management passou a deter 5,48% de suas PN
Oi (OIBR4) é elevada de underweight para neutra pelo HSBC
SLC (SLCE3): Terras de propriedade da cia. foram avaliadas em R$ 3,19 bi em julho, +19% a/a


Bons negócios.

segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Quem sou eu?

Atuo hoje como Financial Advisor em um escritório de Wealth Managment afiliado à XP Investimentos, maior corretora do Brasil! Atendo sem custo e com descontos de corretagem!

contato: vitor@vitormiziara.com.br
 
A empresa

Somos uma empresa de Wealth Managment focados na gestão de patrimônio, promovendo estratégias personalizadas dirigidas à proteção, geração e crescimento de riquezas para o público private. Como cliente Wealth, você tem acesso a todo portfólio de produtos, plataformas de negociação, alocação de Fundos de Investimentos, análises pela equipe de Research e um Financial Advisor exclusivo, no caso eu.

Áreas:

- Wealth Management

- Financial Advisory

- Asset Managment

Produtos e Serviços:

- Estruturação de uma Carteira de Fundos de Investimentos (entre mais de 400 disponíveis em nossa plataforma);

- Acompanhamento de Carteira Global (Renda Fixa e Renda Variável) ;

- Mesa de Operações de BMF&Bovespa com envio de operações, acompanhamento de posição, sugestões de proteção como hedge e long&short;

- Carteiras Recomendadas de Ações;

- Envio de relatórios relacionados a seus investimentos;

- entre outros.

Temos também produtos exclusivos como Carteiras Administradas (acima de R$300mil) e Fundos Exclusivos, onde as decisões de alocação de ativos obedecem a critérios de avaliação de fatores quantitativos e qualitativos, buscando a maximização da relação risco x retorno e a superação dos respectivos benchmarks ao longo do tempo, sempre de acordo com o Perfil de Investimento do cliente.

FED


11:20     AE-News: --FED/DUDLEY: MERCADOS NÃO DEVERIAM ENFATIZAR DEMAIS GRÁFICO DE PONTOS

11:17     AE-News: --DUDLEY: SE ECONOMIA SURPREENDER, FED VAI MUDAR SUAS DIRETRIZES

11:15     AE-News: --DUDLEY: ESTOU CONFIANTE QUE FED TEM INSTRUMENTOS PARA LIDAR COM PROCESSO DE SAÍDA

11:13     AE-News: --DUDLEY: INFLAÇÃO BAIXA É ARGUMENTO PARA FED SER PACIENTE

Macro Mercados e Resumo de Empresas

Bom dia,

Macro Mercados

A semana começa em queda em quase todos os mercados. Durante essa madrugada o ministro das Finanças da China, Lou Jiwei, afirmou que o país não vai alterar dramaticamente sua politica econômica por causa de um ou dois indicadores econômicos. As declarações foram dadas após muitos economistas terem reduzido as perspectivas de crescimento depois da ultima série da dados fracos, aumentando a expectativa por estímulos econômicos no país. Como esse discurso praticamente acaba com qualquer expectativa por estímulos no curto prazo, decepção e queda nos mercados, assim como os metais industriais e petróleo.

Na agenda de hoje:

10h00 – Discurso do presidente do Banco Central Europeu, Mario Draghi

11h00 – Venda de casas existentes (EUA)

Hoje de noite a China volta a ser o centro das atenções com a divulgação do PMI de manufatura medido pelo HSBC.

Por aqui, relatório Focus e pesquisas eleitorais.

Hoje de manha o relatório Focus reduziu novamente a expansão do PIB de 2014 de 0,33% para 0,30% - esta é a 17 semana em queda consecutiva. Para 2015 os economistas cortaram para 1,01% ante 1,04%. Em relação ao IPCA, os economistas aumentaram para 6,30% ante 6,29% da semana anterior, permanecendo abaixo da média.

O índice futuro já está com queda de mais de 1,5% por conta do pessimismo mundial com a China e também à espera das pesquisas eleitorais. Essa semana tem 6 pesquisas a serem divulgadas, incluindo Datafolha e Ibope.

Resumo de Empresas

AES Sul (AESL3) aprova indicação de Francisco Morandi Lopez para diretor financeiro
BHG (BHGR3): Acionistas aprovam cancelamento de registro de ccia. aberta
Comgás (CGAS5) é iniciada com market perform pelo Bradesco BBI
JBS (JBSS3) suspende IPO da unidade JBS Foods, dizem fontes: Reuters
Oi (OIBR4): BNDES e BTG (BBTG11) terão maior fatia individual na nova Oi: Estado
Suzano (SUZB5) tem rating elevado a BB pela Fitch, perspectiva estável
Telefônica Brasil (VIVT4) é iniciada com underweight pela Brasil Plural
Acordo Telefônica-GVT resolve pendências regulatórias, disse Reuters, citando fontes que pediram anonimato
Tim Participações (TIMP3) é iniciada com underweight pela Brasil Plural


Bons negócios.

sexta-feira, 19 de setembro de 2014

Macro Mercados e Resumo de Empresas

Bom dia,

Macro Mercados

E a Escócia disse não! Nessa sexta-feira o sentimento é de alivio no mercado europeu com a confirmação da vitória do “não” e a permanência dos escoceses no Reino Unido. Por conta disso as bolsas europeias e futuros americanos operam com leve alta agora pela manha.

O que continua o movimento, mas de queda, é o preço do minério que fechou a semana em queda e renovou a mínima em 5 anos em US$81,7 a tonelada.

Sem indicadores relevantes para o dia de hoje, por lá o movimento deve continuar com leve alta
sem muita volatilidade, diferente daqui.

Por aqui o Datafolha mostra que a presidente Dilma passou de 36% para 37% no primeiro turno, enquanto a Marina caiu de 33% para 30%. No segundo turno, empate técnico, mas com queda na diferença da Marina para Dilma de 4 para 2 pontos: 46% a 44%

Como é de se esperar, o índice futuro já opera com queda de -1,20% já que a presidente Dilma mostrou recuperação. Faltam menos de 20 dias para as eleições e a volatilidade deve continuar e aumentar até lá!

Resumo de Empresas

Telefônica acerta compra da GVT por cerca de 7 bi de euros
Anatel rejeita pedidos de impugnação de Claro, Tim (TIMP3), Telefônica (VIVT4) e Oi (OIBR4) para leilão de 700 MHz
Arteris (ARTR3): Controlada obtém liminar p/ reajustar pedágio em 6,37%
Autometal (AUTM3): Após OPA, CIE Autometal vai deter 99,75% do capital
Autometal diz que Credit Suisse passou a ter 5,09% do capital
BTG Pactual (BBTG11): Cobrança impostos de R$ 2,2 bi pode ficar p/ UBS: Reuters
Gol (GOLL4): LuxCo vende US$ 325 mi em titulos de 7 anos a 9,125%
Petrobras (PETR4) tem crescimento de produção em linha com previsto, diz Graça Foster
Costa diz em delação premiada que recebeu propina de R$ 1,5 mi: G1


Bons negócios e um ótimo fim de semana!

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Assessoria Financeiro

Boa tarde!

Para quem não me conhece, sou assessor de investimentos em um escritório de Alocação de Recursos.

Atendemos clientes PF e PJ com:

- Sugestão de Carteiras Administradas/Recomendadas
- Carteira Global de Fundos de Investimentos
- Gerenciamento de Produtos de RF
- Envio de sugestões de operações de Bolsa
- Acompanhamento de posições e estratégias

Tudo isso sem custo! Atendemos clientes vinculados à XP Corretora.

Se você é de outra corretora, mande um e-mail e vamos conversar sobre como podemos negociar para você ter atendimento e sem custo!

Se você já investe sozinho, negociamos descontos em custos como Taxas de Adm e Corretagem!

Espero seu contato:

vitor@vitormiziara.com.br

Obrigado!

Relatório Técnico

Olá!

“Gringos”

Vou começar comentando um dado um pouco quanto curioso. Apesar da alta da bolsa nas ultimas semanas, o n° de contratos COMPRADOS pelos Investidores Estrangeiros estão caindo semana a semana! Somente entre semana passada e essa semana, o movimento veio de uma posicao comprada de 92 mil contratos para 69 mil contratos. Mesmo númreo de contratos do dia 25/03 quando a bolsa estava em 48 mil pontos! Será um sinal?

De olho em...

CSNA3 abaixo de R$9,56 forma topo e em caso de queda, próximo suporte apenas em R$9,30.

PSSA3 querendo formar fundo em R$31,00. Vale ficar de olho para por na carteira de swing com objetivo em R$34,00. (começou a andar)

MRVE3 subiu muito por conta de um “novo” Minha Casa Minha Vida. Ontem saiu a continuidade do programa, mas se não tiver força para romper a acumulação em R$8,78...pode vender.

AMAR3 em queda livre, mas com suportes em R$16,72 e R$16,33.

Long&Shortcontinua dando entrada

Operação sugerida pelo Credit Suisse de Long&Short PETR3 x PETR4. Hoje a diferença entre as duas está em 1,35 enquanto a casa sugere que esse valor está caro e deveria ser 0,90.

Quem quiser o call detalhado só me pedir já que para montar é necessário montar no robô.

"Fundamentally, we are comfortable going long the ONs, and short the PNs. We find the current R$1.35/sh price difference between the PN (PETR4/PBRa) and the ON (PETR3/PBR) expensive…”

Lopes Filho - Ibovespa

Graficamente a situação do Ibovespa poderá ficar neutra em termos imediatos, já que o rápido avanço anterior deu chance para igualmente veloz realização e nestas condições um período de “acomodação” torna-se normal para corrigir estes exageros. Oscilações entre o topo de 62.304 pontos e o fundo imediato de 56.666 pontos poderão acontecer agora, até que um destes limites seja rompido ou da figura de triângulo (que costuma aparecer nestes momentos de indefinição).

Macro Mercados e Resumo de Empresas

Bom dia,

Macro Mercados

Ontem o FED dos EUA anunciou que terminará o programa de estimulo de recompra de títulos até outubro. Segundo a autoridade, a economia mostra leve recuperação e isso já é suficiente para andar sem o estimulo de liquidez. Sobre a taxa de juros, a instituição deixou claro que deve continuar baixo ainda por um período considerável, elevando a expectativa do mercado pelo aumento do 2T15 para 4T15. Por conta dessa mudança na expectativa do aumento dos juros americanos, o dólar opera em queda frente seus principais pares.

A China divulgou nessa madrugada uma queda nos preços dos imóveis. Esse indicador foi suficiente para pressionar novamente os metais que operam em queda. O MSCI Emergentes (que depende muito do mercado chinês) opera em queda pelo 10° dia em 11 sessões. Por aqui, vemos alta por conta da pesquisa eleitoral mas uma hora a euforia deve acabar e o mercado brasileiro deve corrigir.

Ainda no cenário externo, hoje acontece o plebiscito na Escócia. Parece que o “não” segue à frente nas pesquisas, com pequena margem.

A agenda do dia traz:

09h30 – Permissão para novas construções de casas

09h30 – Pedidos de Seguro Desemprego

09h45 – Discurso do FED – Janet Yellen

Por aqui é esperado para o fim do dia o resultado da pesquisa do Datafolha encomendada pela Folha de SP e pela Globo. No ultimo levantamento divulgado em 12/07 havia um empate técnico entre Dilma e Marina no 2° turno. Mais do mesmo, pesquisas = volatilidade e especulação no mercado.

Resumo de Empresas

AmBev (ABEV3) é elevada de neutra para compra pelo UBS
Arteris (ARTR3) inclui investimento de R$ 91 mi em obra da  Autovias na SP 318
BHG (BHGR3) assina acordo para administrar Tulip Inn Volta Redonda
BicBanco (BICB4): MP acusa diretores do banco: Estado
Celg (GPAR3) recebe recursos de R$ 1,9 bi
EcoRodovias (ECOR3) diz que proposta para Contorno Norte BH foi homologada
Embraer (EMBR4): Gol considera encomenda de modelo Embraer 195: Globo
Energias do Brasil (ENBR3) antecipa início UHE Jari em 3 meses e meio
Inbrands aprova emissão de R$ 200 mi em debêntures
MMX (MMXM11): Eike diz que cia. pode não ser viável pelo preço do minério, segundo a Folha de S.Paulo OGpar (OGXP3) informa extensão do acordo com a OSX p/ testes em Tubarão Azul até dezembro
Santander Brasil (SANB11): Leilão de Oferta Violuntária de Ações será em 30/out., segundo edital publicado hoje no Valor Econômico
Suzano (SUZB5) tem perspectiva alterada de negativa p/ estável por S&P
Bons negócios!

 

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

FED


15:58     AE-News: --YELLEN: MUDANÇAS NAS PROJEÇÕES DOS MEMBROS DO FED SÃO "BASTANTE MODESTAS"

15:55     AE-News: --YELLEN: "TEMPO CONSIDERÁVEL" É ALTAMENTE CONDICIONAL

15:53     AE-News: --YELLEN: NÃO É JUSTO DESCREVER A SINALIZAÇÃO DO FED COMO BASEADA NO CALENDÁRIO

15:53     AE-News: --YELLEN: NÃO HÁ INTERPRETAÇÃO MECÂNICA PARA A EXPRESSÃO "TEMPO CONSIDERÁVEL"

15:52     AE-News: --YELLEN: "A PERSPECTIVA MUDOU POUCO" DESDE JUNHO

15:52     AE-News: --YELLEN: "APRENDEREMOS SOBRE NOSSAS FERRAMENTAS DURANTE A NORMALIZAÇÃO DA POLÍTICA"

15:51     AE-News: --YELLEN: FED PODERÁ USAR OUTRAS FERRAMENTAS SUPLEMENTARES DE POLÍTICA CONFORME SEJA NECESSÁRIO

15:51     AE-News: --YELLEN: EXPRESSÃO "TEMPO CONSIDERÁVEL" PERMANECE APROPRIADA COM BASE NAS CONDIÇÕES ECONÔMICAS

15:51     AE-News: --YELLEN: ACORDOS DE RECOMPRA REVERSA SERÃO USADOS CONFORME NECESSÁRIO E DEPOIS DESCARTADOS

15:50     AE-News: --YELLEN: DISCUTIMOS A DIRETRIZ FUTURA HOJE E EM TODAS AS REUNIÕES

15:50     AE-News: --YELLEN: TAXA DOS FED FUNDS SERVIRÁ COMO A PRINCIPAL TAXA PARA COMUNICAR SOBRE A POLÍTICA

15:44     AE-News: --YELLEN: VAMOS ELEVAR JUROS MAIS CEDO SE ECONOMIA PROGREDIR, OU MAIS TARDE SE DECEPCIONAR

15:42     AE-News: --YELLEN: FED PLANEJA ESTABELECER UMA FAIXA META PARA TAXA DOS FED FUNDS

15:41     AE-News: --YELLEN: DIRETRIZ FUTURA É CONSISTENTE COM O CAMINHO ESPERADO PARA TAXAS DE JUROS